Menu

O amado pet Samoieda

11/10/2017 - Animais
O amado pet Samoieda

O samoieda é um dos pets mais amados do país, saiba tudo sobre a raça.

Origem e história do Somoiedo

As civilizações nômades utilizaram essa espécie há mais de cinco mil anos, na Sibéria, apesar de haver outras interpretações a respeito da procedência da espécie Samoiedo. O Samoiedo só era capaz de ser encontrado entre estas tribos, daí onde seu nome foi criado. Esses cachorros eram utilizados em práticas no campo, para a caça e ainda para empregá-los nos trenós.
Em meados dos anos 1870 e 1909, os primeiros exemplares desta espécie foram importados para a Inglaterra, entretanto ainda não fossem totalmente puros. Dizem que a Soberana Alexandra adorou com tal força da espécie que fez muito para tentar promover a espécie na sua pátria. Somos capazes de ver atributos destes cachorros em certos pedigrees vigentes.
O Grão-Duque russo, Nicolau, herdou de presente um Samoiedo, e esta raça chegou à América no ano de 1906. A partir da Segunda Grande Guerra a notoriedade desse cachorro vem crescendo cada dia mais devido ao seu temperamento dócil, sua linda fisionomia e suas realizações como um cachorro de tração.

Características Físicas do Samoiedo

Esta é uma raça que se assemelha bastante a um brinquedo de pelúcia, seu porte é bem atlético com uma estrutura muscular bastante desenvolvida, seus pés são redondos e achatados com um forramento de pelo bastante espesso, a cabeça é de formato de cunha com seus olhos fundos, orelhas de tamanho médio muito distanciadas entre si em um posicionamento vertical e o focinho tem um tamanho mediano com um tom escurecido.
Seu rabo tomba para qualquer lado, o pelo deste cão é bem denso e bastante belo. A expressão da face é um dos quesitos interessantes deste cachorro – ele parece estar constantemente rindo!
Seu pelo é vasto, macio, liso e levemente volumoso. Sua coloração habitual é o branco puro, porém podemos vê-lo em outros matizes: branco palha, amarela, amarelada e branco, preto e branco e branco e pardo.

Temperamento do Samoiedo

O Samoiedo é um cachorro muito cativante que não irá pensar duas vezes para satisfazer o proprietário, a família e inclusive os visitantes! Ele tem o hábito de seguir o dono para todo o lado, e vai desejar inclusive deitar junto. Ele é um excelente cão para acompanhamento, principalmente para idosos e crianças uma vez que é bastante brincalhão e meigo.
Devido a ser um cachorro originado em especial para o labor, ele tem necessidade de muitas atividades físicas para que consiga gastar essa energia, caso isso não ocorra, ele pode se tornar um cão bastante estressado. Para você que quer obtê-lo, entenda que essa raça tem necessidade de um amplo espaço, pois eles nunca se dão bem ficando limitados, seja em casas ou apartamentos. Quando se veem desacompanhados ou aborrecidos, eles propendem a gerar um temperamento mais destruidor, latindo muito, engolindo os utensílios em sua vista e cavando para todos os lados.
Pela essenciabilidade de deixar o seu proprietário mais satisfeito, eles poderão ser educados, todavia não cogite que vai ser descomplicado: eles são bastante rebeldes.
Esta espécie possui tendência a ser dominadora e são capazes de não se entender com outros cachorros domésticos!

Vantagens em se ter um Samoiedo

Esta raça é bastante mansa, frágil, carinhosa e bastante esperta! Conquistar o dono e todas as pessoas a sua volta é um grande costume que este cachorro tem.
Devido a sua afeição e meiguice, o Samoiedo não vai querer estar distanciado de seu proprietário por bastante tempo, o que faz com que esta raça bem apreciada por todos.
Como essa raça pode conviver muito bem com visitantes e convidados, você nunca terá que ficar se preocupando em deixá-lo preso! Seu proprietário vai ficar contente com o modo como o Samoiedo trata os seus amigos e hóspedes.
Os Samoiedos são cães bem limpos e não vão dar trabalho em excesso no que concerne a banhos e tosas, ainda que sejam bem peludos e de cor clara. Além disso, não geram cheiros característicos de cães por causa da falta de glândulas subcutâneas. Você vai ter um gasto demasiadamente menor com esta espécie, principalmente se referindo à limpeza!

Pontos fracos do Samoiedo

As práticas físicas têm que ser todos os dias, por sua origem, o Samoiedo não aguenta manter-se bastante tempo quieto, se isto ocorrer, a ansiedade e o irritabilidade podem atingi-lo.
Se você desejar um cão para ser um cachorro protetor, nem cogite em ter um Samoiedo.
Os Samoiedos são engraçados, porém, em determinadas ocasiões, passam da conta, deixando o seu dono de cabelo em pé, já que eles são bastante destrutivos em várias situações.
O Samoiedo é um cachorro bem dominador, não é aconselhado ter outros animais domésticos junto do Samoiedo, principalmente felinos! Contudo, se amestrado desde novo, vai poder ter um Samoiedo mais paciente com outros cães.
Este cão vem de terras nórdicas geladas e, mesmo se adequando ao clima tropical, não é adequado submetê-los a condições bastante elevadas.
Essa raça troca seu pelo com uma certa frequência, por isso é bem comum ver seus pelos ao longo da casa.
Determinados problemas de saúde são usuais a raça – olhos com cor desconhecida, orelhas tombadas, constituição óssea desequilibrada, jarretes de vaca acentuados, sinuosidade nos pelos, características do sexo não determinadas, displasia coxofemoral, surdez, naniquismo e atrofia gradativa de retina.

Como cuidar de um Samoiedo

O Samoiedo é um cachorro que tem demasiada energia e carece de gastá-la de algum modo, se você deseja adquirir um cachorro dessa espécie, esteja capaz de passeios matinais e várias brincadeiras! Caso você deseja um cachorro mais disciplinado, domestique-o precocemente.
Caso você possua outros cães no lar é sugerido que o dono domestique o Samoiedo precocemente a fim de que ele se torne sociável com os outros animais domésticos.
O Samoiedo é um cão bem teimoso e rebelde, o que o torna bem complicado de colocar limites: ele irá querer ficar dentro de casa e você irá se esforçar para conseguir ensiná-lo, então o adestramento tem que ser feito o mais cedo possível! Outra coisa relevante é pentear a pelagem do cachorro de duas a três vezes semanalmente para evitar que a pelagem se disperse pelo lar.
Contudo, eles são muito apegados com o seu dono, necessitando de demasiado afeto, cafuné e atenção.

Filhotes de Samoiedo

Esses filhotinhos são bem carentes, sempre desejando amamentar e dormir bastante, sem contar que eles são iguais a umas “bolinhas peludas”! Entretanto não ache que esse período é extenso: em no máximo dez semanas eles estão brincando e sendo verdadeiros “exploradores” em todos os cantos. É neste período que o dono precisa começar a ensiná-lo para que as ordens sejam mais comuns para o cão. Nesta fase ele se encontra mais pronto, já que é a época em que ele se identifica com a espécie que pertence e entra em um estágio de socialização com o ser humano. O treinamento precisa de ser mais enfático logo após os 3 meses, porque nessa etapa o Samoiedo fica mais “autoritário”, portanto sendo mais difícil educá-lo. Após 1 ano de existência, este cão fica mais inteligente, deste modo o seu dono necessita de pôr mais potência no seu treinamento para conseguir resultados mais satisfatórios.
O Samoiedo, quando filhotinho, é bastante divertido, cheio de vigor e bastante vigoroso. Todos os cães dessa raça possuem um “sorriso” no seu rosto, com o lábio preto e olho marrom. No que concerne às orelhas, não se preocupe, elas só se erguerão depois dos três meses de vida. A cauda deita sobre seu dorso depois dos 2 meses.

Curiosidades acerca do Samoiedo

Ele é tido como o cão nórdico mais disciplinado já registrado, ele é muito inquieto e ansioso, uma vez que ele está constantemente cavando qualquer coisa, quando está neste estado emocional.
Nos primordios da geração dos Samoiedos, os primeiros espécimes que foram importados para a Inglaterra não eram completamente brancos. A quase totalidade deles era de uma cor canela e ligeiramente menor que a espécie pura. A origem de alguns cães originaram-se das tribos nômades.
O primeiro clube especializado na espécie se originou no ano de 1920, e existe até hoje; e, verdadeiramente, as primeiras importações suscederam-se no ano de 1893.
Em épocas de nevascas, os Samoiedos conseguem tampar o seu focinho com a própria cauda.
Eles têm uma curvatura em seus lábios, que dá uma sensação de sempre estarem “sorrindo”.